FP&A

Qual a diferença entre soluções de FP&A e ferramentas de B.I.?

today
12.5.2022
schedule
7 min
person
Alysson Guimarães

Introdução

Muitos profissionais ainda não conhecem as diferenças entre uma ferramenta de Business Intelligence (BI) e uma plataforma de Planejamento e Análise de Performance Financeira (FP&A); as suas similaridades podem levá-los a confundir as soluções, o que pode te levar a fazer escolhas que vão limitar sua capacidade de entrega e de tomada de decisões.  É importante que isso fique bem claro: o papel e as funcionalidades desses dois tipos de sistemas são diferentes; sobretudo em relação a todo o volume de conhecimento abarcado e funcionalidades de análises e de customizações profissionais para área financeira.

O que é um B.I.?

O B.I é uma plataforma focada na entrega de gráficos e dashboards com informações genéricas, frequentemente relativas ao passado do seu negócio. Visualmente, ele é extremamente poderoso e a sua utilidade e possibilidades de integração são incontáveis. Entretanto, em uma área o BI é limitado; na habilidade de customizar completamente seus relatórios independentemente dos padrões generalistas do mercado; ou seja, ele é limitado no grau de personalização e detalhamento de informações. Ele foi desenvolvido para ser utilizado por “equipes de TI”.

O que é uma solução de FP&A?

É um conjunto de processos financeiros suportados por uma plataforma desenvolvida e projetada especialmente para “os profissionais de equipes financeiras”, entregando relatórios dinâmicos com formatação profissional, modelagens financeiras, consolidação de dados, módulos de criação e acompanhamento do seu planejamento orçamentário, projeções futuras, simulações de cenários. Assim como a habilidade de criação de planejamentos sofisticados e específicos como o de projeções de vendas, possibilitando a tomada de decisão estratégica no presente à partir de dados do passado e do futuro com rapidez e segurança, permitindo que suas decisões sejam baseadas em fatos e dados.

Soluções modernas de FP&A como a LEVERPRO, também incluem funcionalidades abarcadas de BI’s para a criação de visualizações ricas de gráficos e dashboards.

Principais diferenças entre um FP&A e um BI:

Principais diferenças entre um FP&A e um B.I.

Quando escolher uma solução de FP&A e não uma ferramenta de BI?

Com a popularização das ferramentas de BI, como por exemplo o Power BI, surgiu uma nova onda de consultores financeiros bastante motivados.

Graças a uma ferramenta útil e flexível como o Power BI, um profissional muitas vezes sem a formação financeira, como um bom vendedor com conhecimentos técnicos adequados consegue fazer de tudo, inclusive fazer relatórios financeiros mal formatados parecerem fantásticos! Portanto, nos últimos anos a maioria das empresas tem caído na armadilha de utilizar o Power BI para montar seus relatórios financeiros. Suponha que você contrate um consultor especializado em Power BI. Após algumas semanas ou meses e um custo considerável com o seu consultor, você provavelmente terá relatórios financeiros bonitos e satisfatórios feitos no Power BI.

E por mais satisfeitos que seus gestores possam parecer, felizes por terem seus dashboards e relatórios financeiros centralizados na nuvem, para a maioria dos diretores financeiros essa tendência provavelmente vai se tornar um “PESADELO”!

‍Porque? Porque nem o Power BI nem os sistemas concorrentes foram criados para gerenciar os processos de relatórios financeiros.

São necessários profissionais extremamente capacitados em programação e modelagem de negócios por trás de toda a beleza apresentada pelo Power BI. Você pode optar por contratar um profissional exclusivo ou até mesmo um consultor especializado permanentemente para manter seus BI’s em funcionamento, assim como para fazer alterações requisitadas pelos profissionais de finanças nos modelos construídos.

Ainda assim, o desconforto pela falta de autonomia dos profissionais de finanças, o alto custo para manter essa equipe, a falta de profissionalismo e os padrões de mercado limitados pela generalização da ferramenta de BI e principalmente impossibilidade de criação de modelos para projetar o futuro da sua empresa, irão te levar exatamente ao mesmo lugar de onde saiu: para as planilhas de Excel. Pois mesmo sem tanta robustez ou eficiência, elas te entregam o necessário em numa situação em que o profissional de finanças tem autonomia e se sente confortável com suas fórmulas e formatações.

É comum se enganar e ter a primeira impressão de que o BI é a opção mais acessível, vale reforçar que o BI é um recurso que necessita de dedicação exclusiva, pois é uma ferramenta construída manualmente e que demanda constante atualização. A médio e longo prazo, o BI requer um alto investimento de tempo, recursos e pessoal para pouco retorno analítico e estratégico. A geração de custos indiretos também é relevante e ainda existe um problema ainda mais crítico: a possibilidade de perda total do investimento caso ocorra a troca do profissional que estruturou o projeto de BI. Um projeto de BI não é uma entrega definitiva e colaborativa. Ele é semelhante a uma planilha de Excel e é sempre difícil interpretar planilhas complexas de outros profissionais, o que torna mais fácil a sua construção do início.

Quais são os diferenciais de uma solução de FP&A?

Uma ferramenta FP&A utiliza rotinas de orçamentos, planejamentos, projeções, análises e relatórios para auxiliar a Alta Gestão na tomada de decisões mais embasadas e bem-informadas na busca para atingir seus maiores objetivos. Esse tipo de ferramenta tem assumido um papel muito importante nas Organizações, trazendo as seguintes facilidades:

Análise: transformação de números crus em poderosos KPIs a serem apresentados à Alta Gestão, que mostram de forma clara e rápida qual a atual situação da empresa como um todo. Isso auxilia os tomadores de decisões a seguirem o caminho correto em todos os departamentos da empresa.

Planejamento Financeiro: sem ele, decidir quais serão os objetivos fiscais e operacionais da empresa torna-se uma tarefa muito complicada. É uma facilidade que é trabalhada nas ferramentas de FP&A pelos Gerentes Financeiros, em parceria com os Controllers e com a Alta Gestão, para se determinar os planos e objetivos da empresa e de seus departamentos.

Orçamento: as ferramentas de FP&A possuem as melhores formas de prever, de liberar e registrar as despesas e as receitas do Exercício, em busca de atingir os objetivos de cada departamento e da empresa. Após aprovado, o orçamento é estático e é a principal ferramenta de entrada para o relatório de Forecasting.

Forecasting: são as previsões sobre o desempenho futuro da empresa ou do departamento após ajustes e atualizações deste orçamento, sempre que necessário. Este processo tem como base os resultados passados e leva em consideração as condições atuais e futuras previstas. O Forecasting estuda as mudanças esperadas nas condições de negócio internas e externas à Organização e, se comparado ao orçamento, ele auxilia as empresas a se prepararem da melhor maneira para se adaptarem às possíveis mudanças futuras.

Modelagem: é como são gerenciadas as informações de várias áreas, incluindo contabilidade, finanças e negócios, para simular novas premissas, realizar análises de sensibilidade e simular opções para prever como as decisões operacionais podem afetar o futuro financeiro da empresa.

Relatórios: são os relatórios financeiros que mostram o desempenho realizado. Geralmente são analisadas com mais detalhes pela Alta Gestão da empresa e pelos acionistas. Os relatórios de gerenciamento mostramanálises e insights aos tomadores de decisão, geralmente por meio de painéis automáticos que fornecem aos usuários informações detalhadas sobre os dados da empresa.

Fechamento financeiro: envolve conciliação contábil, relatórios de resultados no final do período e outras práticas de gestão financeira. Realizar o processo de fechamento da maneira correta fornece os dados reais necessários para todos os fins do CFO, incluindo análise de variação, (re)forecasting, relatórios de gerenciamento e muito mais.

Entre as principais funcionalidades de um FP&A estão:

  • Planejamento, Orçamento e Forecasting
  • Gestão de Fechamento financeiro periódico
  • Plano operacional anual
  • Consolidação financeira
  • Gerenciamento da Força de Trabalho
  • Reports financeiros;
  • Processos de Forecasting
  • Análises de Cenários
  • Rolling Forecasts
  • Automatização de demonstrações financeiras;
  • Análise de inconsistências;
  • Planejamento/modelagem de cenários e riscos;
  • Análises de contas a pagar e contas a receber;
  • Revisão de dados e criação de dashboards de monitoramentos dos indicadores-chave da empresa.
  • Conciliação contábil
  • Análise de giro de estoque
  • Criação de Demonstrações de Resultados do Exercício, Balanços Patrimoniais e Demonstrações de Fluxo de Caixa
  • Funcionalidade de Orçamento Avançado, com criação de cenários orçamentários

Ciclo de Funcionamento do FP&A

A ferramenta de FP&A garante a geração contínua, segura e precisa de informações por meio da leitura e análise de dados com base em algoritmos complexos e inteligentes. Além de facilitar a visualização do histórico financeiro e contábil, também pode incluir informações gerenciais no cálculo e previsão de métricas e indicadores. Como tal, o FP&A fornece uma visão ampla de períodos passados ​​e fornece uma base sólida para previsões de curto, médio e longo prazo, facilitando a modelagem de processos, planejamento, consolidação, relatórios direcionados e análises inteligentes abarcadas.

A LeverPro é uma plataforma de Planejamento e Análise de Performance Financeira (FP&A) Completa!

Para sanar qualquer dúvida, a LeverPro é uma ferramenta completa de FP&A. Ela não é um ERP ou apenas um BI. Ela busca as informações contábeis e financeiras geradas por qualquer sistema ERP, através de conexões completamente seguras e, na posse destes dados, são geradas automaticamente as informações gerenciais na própria ferramenta.

Além dessas informações gerenciais contábeis e financeiras, a LeverPro tem uma poderosa funcionalidade de criação de diferentes cenários orçamentários, que podem ser definidos em vários formulários distintos, de acordo com a necessidade do cliente.

Com um processo orçamental bem definido, o CFO possui dados em que pode confiar, evitando informações desencontradas para basear suas decisões, com o propósito de impactar da melhor maneira a operação da empresa. Outro ponto positivo de uma ferramenta de FP&A como a LeverPro, é que o time despende muito menos tempo na elaboração e construção de relatórios complexos e, por outro lado, disponibiliza mais tempo para atividades mais importantes, como a análise mais célere dos dados contábeis e financeiros.

Para um melhor controle e gestão de um CFO, uma plataforma de FP&A é extremamente indicada, já que contempla diferentes cenários (internos e de tendência de mercado), analisa riscos e leva sempre em consideração o planejamento da empresa. A melhor funcionalidade de uma plataforma de BI é utilizar-se de algoritmos para a organização e demonstração dos dados em forma de dashboards e indicadores, porém, estes recursos também são escopo importante das ferramentas de FP&A.

A LeverPro é um FP&A, ou seja, além da modelagem e demonstrações de dashboards de gestão de diferentes cenários, é possível realizar o monitoramento e gerenciamento dos números desempenhados pelas áreas e pela empresa no geral.

Conclusão

Antes de se decidir por implantar uma plataforma FP&A ou uma plataforma de BI, tenha em mente a necessidade da sua empresa e busque se informar sobre o escopo de funcionalidades que cada ferramenta é capaz de entregar. Com isso, analise o prazo de implantação e os benefícios que serão trazidos por cada opção de mercado avaliada. Para finalizar, tenha sempre em mente que o FP&A (no caso, a LeverPro) raramente precisará de um BI para produzir informações gerenciais de alta importância em sua completude, ainda mais por ser uma ferramenta completamente personalizável.

Caso opte pelo BI, sem possuir uma ferramenta de FP&A, ele sempre será um histórico simples, que pode não trazer muitas possibilidades de visão, gestão e modelagem de cenários.

Fontes e Referências

últimos artigos

Obrigado por se inscrever!
Há algo de errado, favor tentar novamente!